Welcome to my diary

Eu fui poeta na impossibilidade absoluta de conformar-me.

Roberto Piva (via oxigenio-dapalavra) Via

Carrego o peso da lua,
Três paixões mal curadas,
Um saara de páginas,
Essa infinita madrugada.

– Paulo Leminski   (via oxigenio-dapalavra)

(Source: paulo-leminski)

Via



(Source: flordilottus)




http://oxigenio-dapalavra.tumblr.com/post/92102308576/o-mais-proximo-que-eu-consegui-chegar-do-paraiso

O mais próximo que eu consegui chegar do paraíso foi quando te vi chegar. E foi tão bonito. No dia em que você decidiu costurar a sua vida junto a minha me impactou, surpreendeu, encheu, me fez sentir que é bem melhor ser sua do que ser minha. Me fez ver em seus olhos o verdadeiro significado da…

(Source: profundaria)

Via


foda-se-mundo:

 

"Tiramos as máscaras." -Pedido de Yuri Machado

(Source: poetaexilado)


Partiu,
da pior maneira que as pessoas sabem fazê-lo.
Primeiro foi-se o coração
mas deixou o corpo.
Depois, então
não obstante,
também por último
levou o corpo.
Mas quando este se foi
por último
esta vida já não valia nada.

– Heitor Henrique (via oxigenio-dapalavra)

(Source: objetomediocre)

Via
não dou razão as putas

eu não dou razão as putas, porque a av. nove de julho inteira, já sabe que você me deixou.

eu não dou razão a elas, porque cada morador de rua me ofereceu um gole de pinga e um papelão pra que eu não congelasse no frio de são paulo.
eu não dou razão a elas, porque até Sartre tentou me…

(Source: complexodenietzsche)

Via


(Source: gay8)


eu te matei
pra me salvar
e acabei
me matando
de tanto amar.

Elisa Bartlett em "Duplo homicídio". (via oxigenio-dapalavra) Via

(Source: keiliangelinaa)



(Source: romeu-as--avessas)


Quem nasce com coração?
Coração tem que ser feito.
Já tenho uma porção
Me infernando o peito.

Com isso ninguém nasça.
Coração é coisa rara,
Coisa que a gente acha
E é melhor encher a cara.

Paulo Leminski   (via oxigenio-dapalavra)

(Source: racionador)

Via

Brasil não é só corrupção, não é só prostituição, não é só desigualdade. Brasil não é só violência.
  Brasil é cultura, é Amazônia, é samba, é poesia. Brasil é capoeira, é chimarrão, é mar e céu azul. Brasil é índio, é afro, é branco, Brasil é colorido. É Tiradentes, é Zumbi dos Palmares, Brasil é Drummond, é Machado de Assis. Brasil é cultura, é sorriso fácil, é feijoada, é frevo. Brasil é carnaval, é futebol, é maracatu, é alma hospitaleira. Brasil é calor, é frio, é rio, é Ipanema. Brasil é baião, é forró, Brasil é Nordeste. Brasil tem seca? Tem! Mas Brasil é esperança, é persistência. Brasil é do povo que não desiste! Brasil é meu, é seu. Brasil não é só isso ou aquilo, Brasil é nosso!

– H. Conrado (via oxigenio-dapalavra)

(Source: paradoxomental)

Via
1213
To Tumblr, Love PixelUnion
contador de acesso grátis